Assista e confira como foi o evento de abertura – Família Volkswagen:

—————————————————————————————————-

Um evento marcante com os principais clássicos da linha Volkswagen somado a diversas novas atrações para crianças e adultos. Além tudo isso, um encontro com formadores de opinião para marcar a estreia do New Auto Show Collection, na temporada 2019. São 17 anos e 697 edições realizadas no sambódromo do Anhembi, com a participação de dezenas de clubes e mais de 200 mil pessoas por ano.

O evento de estreia teve como temática os clássicos da linha Volkswagen. O Fusca Clube de Mogi foi o anfitrião da exposição principal e levou mais de 50 clássicos da marca alemã, com modelos curiosos para os fãs de carros alemães. Sobre o palco, Kombi customizada, o clássico SP2 totalmente original, O Gurgel X12 customizado, Fusca 1976 original e uma grande estreia.

O Karmann Ghia 1969 foi relevado na Avant Premiére após seis meses de minuciosa restauração. Na cor vermelha com teto preto, foi a estrela da festa revelado diante do público.

Clássicos inesquecíveis

Em frente ao palco, mais de 120 modelos chamaram a atenção dos visitantes. Uma Variant alemã 1968 recém restaurada. Diferente do modelo que estreou no país logo no ano seguinte, tinha suspensão dianteira McPherson independente, janelas traseiras divididas e o conhecido motor plano (conhecido nos EUA como pancake engine) de 1600cc e dupla carburação.

Os Fuscas Cabriolet alemães também se destacaram. Suspensão dianteira independente, parachoques pronunciados, vidros panorâmicos e a capota retrátil são o sonho de consumo de muitos fãs do besouro.

Ainda sobre os importados, um Golf Cabriolet e um Jetta da segunda geração do compacto roubaram a cena. O Jetta recebeu Swap de motorização e usa o conhecido motor VR6 (que estreou aqui no Passat nos anos 1990).

O Fusca da CET tambem brilhou no primeiro evento do ano. Fabricado em 1982, atuou nas ações de fiscalização e apoio ao trânsito até o final da década, e foi preservado ao longo dos anos. Conta com todos os equipamentos como a sirene e o rádio totalmente funcionais.

Nacionais 

Toda a linha dos clássicos esteve bem representada no evento. Além dos Fuscas, destaque para séries especiais como o 1300L, um Fusca 1959 da primeira safra “made in Brazil”, Fusca série prata de 1980, os derivados como Brasília, Gol a ar, Variant e modelos com a motorização refrigerada a ar como o esportivo Puma e a linha Gurgel.

A Kombi também surgiu em variadas versões, especialmente as customizadas com teto rag top, interior modificado, para-brisa do tipo Safari (de abertura basculante) entre outros.

Convidados especiais

A Matel, organizadora do Auto Show Collection, recebeu os presidentes de clubes de várias regiões do estado de São Paulo e da capital, e autoridades para mostrar o novo formato e atrações do evento.

A estreia teve a participação do vice-presidente da Federação Brasileira de Veículos Antigos, Sérgio Massa que elogiou “os 17 anos deste evento que dá o tom desse mercado que não para de crescer”. O vereador e incentivador do antigomobilismo, Rodrigo Goulart, também destacou a longevidade do Collection “é um desafio organizar um evento dessa magnitude mas o mercado evoluiu e sabemos do enorme potencial dos carros antigos para incrementar o turismo na cidade”, disse.

O secretário de turismo de São Paulo, Orlando Faria, falou em unir esforços em prol das atrações turísticas na cidade. “Lanço o desafio de fazermos um evento de carros antigos no Centro Histórico de São Paulo no dia 02 de junho que vai agitar a capital, e conto com os clubes e expositores para o sucesso desta iniciativa”, convidou.

O próximo evento já tem data para acontecer. A Noite dos Anos 1980 e 1990 é o próximo tema do maior evento periódico de antigos e modificados do Brasil. Não perca!

por Marcos Camargo Jr