História da Fiat no Brasil: saiba tudo sobre

Líder de vendas no mercado automobilístico brasileiro ao longo de 12 anos ininterruptos, a Fiat construiu uma história entrelaçada com a evolução de seus carros, com foco na inovação tecnológica. A história da montadora no Brasil começou no dia 9 de julho de 1976, data em que foi inaugurada a fábrica de Betim, em Minas Gerais, hoje responsável pela produção de 800 mil veículos por ano.

Com a previsão de um investimento de R$10 bilhões nos próximos anos, o grupo Fiat Chrysler almeja construir uma nova fábrica na cidade de Goiana, em Pernambuco, onde a meta será produzir até 250 mil veículos por ano, além de modernizar a planta mineira. Dessa forma, a montadora italiana deverá superar a marca de 1 milhão de carros produzidos por ano no Brasil.

Quer saber mais? Continue lendo!


A história da Fiat no Brasil

logo_fiat_62671

Detentora de carros que ficaram marcados na vida de milhões de brasileiros, a Fiat conquistou o coração de muita gente, com modelos que fizeram história. Logo o primeiro veículo construído no Brasil, o Fiat 147, atingiu um boom de vendas, trazendo em seu design uma inovação para a década de 70: o porta-malas não trazia o estepe no mesmo espaço ao contrário dos demais modelos das montadoras concorrentes. A disposição do pneu reserva acabou ficando em um vão do motor. Além disso, outra novidade para a época foi a instalação de um motor transversal dianteiro.

E o pioneirismo não parou por aí. Logo em 1978 foi lançado o City, a primeira picape derivada de um automóvel e, na sequência, veio o Fiat 147 movido a álcool, mais um destaque na linha produtiva nacional. Mantendo o compromisso com o Brasil, a Fiat continuou investindo pesado e obteve sucesso em muitos modelos inovadores, como a perua Panorama, lançada em 1980, e o furgão Fiorino, que começou a ser produzido dois anos depois.

Uno: sucesso nacional

Após conquistar o respeito dos consumidores, a Fiat lança um dos carros mais procurados no Brasil na década de 80. Compacto, econômico e com design diferenciado, o Uno chegou para ficar. Depois do lançamento, em 1984, foi uma corrida de melhorias, transformando o modelo em sucesso nacional com a versão Mille, que trazia o motor 1.0 no primeiro ano da década de 90. Na sequência foi lançado o primeiro modelo popular com quatro portas com o nome de Mille Electronic.

A história da Fiat no Brasil também trouxe carros de luxo para os consumidores mais exigentes, passando pelo Tempra 16 v, em 1993, além do Tipo. Em 1996, chega ao mercado o Palio, um carro popular que logo ganhou as versões sedan (Siena) e perua (Weekend). E muitos outros modelos consolidaram a marca no país, atraindo novos negócios e a expansão da Fiat pelos quatro cantos do Brasil.

Fiat 147: uma história de sucesso

Para comemorar os 40 anos do modelo que ficou cravado no inconsciente do povo brasileiro, o Feirão Autoshow promoveu, no dia 19 de abril de 2016, a noite de homenagem à história da Fiat no Brasil. Quer saber quais serão os próximos eventos? Clique aqui. Até a próxima!

Post a comment