A incrível história do icônico Ford Mustang

No início da década de 1960, os consumidores começavam a buscar por automóveis que fossem mais simples, menores e baratos. Ao mesmo tempo, eles queriam um motor potente e um toque de esportividade. A Ford assistia a essa movimentação sem participar dela, pois não tinha um modelo com essas características. A Chevrolet, em contrapartida, comemorava o sucesso do Corvette.

Henry Ford II, neto de Henry Ford, solicitou ao presidente da divisão Ford que fosse desenvolvido um automóvel com as características que os consumidores desejavam na época. O resultado foi o icônico Ford Mustang, que ganhou esse nome por John Najjar graças a uma homenagem ao avião de caça da 2ª Guerra Mundial P-51 Mustang, pilotado por ele.

Conheça agora a incrível história do icônico Ford Mustang!


O surgimento do Mustang

Desenhado por Joe Oros, o Mustang nasceu com design futurista em uma carroceria de alumínio. Chegou compacto, com 3,91 metros de comprimento e 2,28 metros entre os eixos.

Entre os detalhes visuais, destacavam-se o enorme capô, as tomadas laterais de ar e os escapamentos que saíam da lataria. A grande estreia foi no Grande Prêmio dos Estados Unidos de Fórmula 1, realizado em Watkins Glen, no ano de 1962, que causou uma enorme repercussão.

Os diferenciais do Mustang

O Mustang é icônico exatamente pelo fato de apresentar, desde o seu surgimento, uma série de novidades que estavam à frente do seu tempo. Incomum na época, o Mustang já chegou com suspensão independente nas quatro rodas.

O motor possuía quatro cilindros e entregava uma potência de 90 cv. Os jovens e os entusiastas por alto desempenho ganharam um automóvel que chegou ao mercado com muitas opções de motores e acessórios para personalizá-lo.

O lançamento para o público em geral

O ano era 1964. Com a apresentação do Mustang há dois anos, esperava-se que naquele Salão do Automóvel de Nova Iorque a Ford apresentasse o modelo definitivo do Mustang. No dia 17 de abril de 1964, a Ford fazia o lançamento oficial do Mustang, deixando o Plymouth Barracuda, precursor da carroceria fastback e lançado havia duas semanas, completamente obsoleto.

O público se deparou com um modelo jamais visto, pouco ou nada comparado aos carros da época. Com design clean e sem excesso de cromados, apresentava linhas harmônicas e possuía dois modelos: cupê e conversível. A lateral ganhou os vincos que lhe proporcionaram uma pegada esportiva.

A linha do tempo dessa história de sucesso

– Foto: http://maringa.odiario.com/veiculosConfira agora os principais fatos que marcaram a história do Mustang:

1964 – A primeira dona de um Mustang

Quem comprou o primeiro Mustang foi uma mulher, Gail Wise. Ela tinha 22 anos, na época, e queria trocar de carro. Um vendedor mostrou um Mustang dois dias antes do lançamento oficial e ela, apaixonada pelo novo carro, decidiu comprar.

1965 – Lançamento do Shelby GT350

Marcando o início da parceria da Ford com o ex-piloto Carrol Shelby, o Shelby chegou com um motor V8 de 4.7 litros que entregava ao conjunto uma potência de até 306 cv.

1974 – A segunda geração do Mustang

Sendo 48 centímetros mais estreito e 222 quilos mais leve, foi o primeiro Mustang sem um motor V8 e sem versão conversível. Não foi um dos modelos mais apreciados, porém queria voltar às origens do conceito.

1979 – A terceira geração do Mustang

Longeva, foi produzida até 1993. Com numerosas opções mecânicas, ganhou pela primeira vez um motor de quatro cilindros e 2.3 litros turbo.

1994 – A quarta geração do Mustang

Completamente reformulado, sofreu alteração em mais da metade de suas peças. Abandonou o uso do motor 5.0 litros.

2005 – A quinta geração do Mustang

Essa geração marcou o retorno dos muscle cars, pois com o lançamento do novo Mustang, fabricantes como Chevrolet e Chrysler decidiram ressuscitar os seus modelos Camaro e Challenger, respectivamente.

2015 – A sexta geração do Mustang

Com qualidade, acabamento interno e montagem jamais vistos, passou a ser um carro global, com suspensão traseira independente. Chegou com três opções de motores e sistema multimídia.

Aproveite para conhecer a história de outro ícone da Ford, o Maverick. Clique aqui e saiba mais!

Post a comment